Doroteia

Ela conservava um baú aos pés da cama de casal. Costume antigo. Era comum encontrar lençóis, cobertores, toalhas limpas, fronhas e colchas na caixa de madeira, forrada com couro, apoiada na extremidade da cama. Nós, as crianças da casa, retirávamos tudo e fingíamos que era um caixão funerário em estranhas histórias que inventávamos sobre mortos-vivos.

Às vezes, sinto que algumas épocas vivem dentro de mim. São dias inteiros com lembranças na sequência, os horários da tarde, as brincadeiras infantis, o que aconteceu depois e porquê.

Existem objetos que parecem romper os limites do tempo. Nos observam geração após geração, como o velho ferro com braseiro, o rádio a válvula ou o baú da Doroteia. Nunca foi necessário saber o que todas as pessoas guardavam dentro de seus baús. Basta saber que os baús continuam ainda hoje, por aí, despertando nostalgia de épocas passadas. A participar do cenário de histórias talvez.

Os seres humanos sentem frio de dentro para fora também, arrepios na alma. Saudade, talvez interesse pelo passado.

Enquanto brincávamos, Doroteia fazia cachos com amônia num permanente em bobs médios, pintava de loiro o cabelo. Unhas vermelhas, fumava cigarros de filtro branco, usava delineador azul. Moderna Doroteia, cheia de vida e com um olhar de desilusão.

Era casada com um marido muito quieto, quase mudo, que não conversava com crianças. A sua casa era sempre organizada com abundância de enfeites, laços de fita em cortinas com duas camadas, paninhos de crochê, frutas de resina para enfeitar a mesa, rendas sobre as janelas da cozinha.

Nunca mais soube o que aconteceu com aquelas pessoas, crianças, adultos ou bichos de estimação conhecidos. Morreram todos os poodles infernais com os quais convivi na minha infância? A lembrança traz recortes, brincadeiras esquecidas, mãe-da-rua, tardes inteiras para jogar videogame e rabiscar o tênis com canetinha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s