_tudo Pedro

“Tem época em que todo mundo opera o apêndice, já reparou? Tem época em que todo mundo faz análise, não tem? Teve época (teve, pelo menos) em que o sujeito duvidou-releu, tem de arrancar os dentes todos a conselho do médico. Tem época em que o pessoal bebe água oxigenada. Tem outra época em que todo mundo começa a tomar remédio novo, como o K-H-3 (está nessa época, não?). Tem época em que todo mundo começa a frequentar a sauna. Tem época em que o Maracanã fica cheio de uma fauna pouco amante do futebol. Tem época em que todo mundo se reúne em uma determinada esquina da praia (e sempre muda a esquina, tem caminhado, as esquinas, no sentido Leme para o Leblon). Tem época em que todo mundo frequenta um certo bar ou um certo  restaurante ou uma certa boite, não tem? E tem época em que todo mundo começa a separar-se da mulher. As mulheres que se cuidem (ou os maridos). Tem época em que todo mundo começa a ter filho e dá a mania de botar o nome de Pedro em todos os filhos, mesmo nas meninas. É tudo moda, já reparou? Já teve época de cuba libre (rum com coca-cola, imagine!)”.

 

Otto Lara Resende, O Rio é tão longe. Companhia das Letras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s